A frase “Tomar uma cervejinha degustando um bom aperitivo” tem o poder de deixar água na boca em muita gente. É que a receita que mistura beber e comer remete instantaneamente à sensação de prazer que uma boa mesa traz. E para montar combinações de sucesso, a equipe do Viva RioMar bateu um papo sobre o assunto com o sommelier Paulo Rodrigues, da premiada cervejaria pernambucana Ekaut.

Lager ou Ale? Cerveja também se diferencia

Confira algumas dicas de harmonização de pratos com cada tipo de cerveja.

» Pilsen

Por ser uma cerveja mais amarga, leve e refrescante, que cai bem, principalmente, no verão, a pilsen harmoniza com petiscos em geral, tipo bolinhos fritos de bacalhau ou carne, batatas fritas, torresmos e frituras.

» Weissbier

A weissbier é uma cerveja à base de trigo alemão, menos amarga, leve e mais adocicada e por isso vai bem com salsichas alemãs, pratos indianos e tailandeses.

» Witbier

Diferentemente da anterior, essa cerveja é à base de trigo belga, feita a partir da casca da laranja de Curaçau e semente de coentro. É uma bebida bastante refrescante, cítrica, leve e pouco alcoólica e por isso é ideal para ser apreciada na praia. Logo, ela harmoniza com sushis, frutos do mar (camarões e caranguejos também), moquecas, peixadas. Também pode ser degustada com queijo brie.

» IPA (India Pale Ale)

A alta concentração de lúpulo, que age como um conservante natural, torna a cerveja mais aromática e com um amargor bem destacado. Apesar do maior teor alcoólico, a bebida é refrescante e combina com hambúrgueres, salames e queijos gorgonzola e parmesão.

» Stout ale

É uma cerveja escura e mais amarga, forte, menos refrescante e com teor alcoólico maior. Harmoniza com churrascos, carnes de panela e feijoada. Também combina com sorvetes e chocolates.

Oktoberfora promete muita diversão ao ar livre no RioMar