Quem disse que a bebida oficial da Semana Santa é o vinho? A cerveja pode entrar no menu pascal harmonizando perfeitamente com queijos, por exemplo. A Campo da Serra, especializada em laticínios, realizou junto com a Ekäut, cervejaria artesanal pernambucana, harmonizações entre os dois produtos.

O beer sommelier Paulo Rodrigues deu algumas dicas:

Witbier 
A Witbier é uma cerveja de trigo de origem belga muito refrescante, de aroma cítrico devido às cascas de laranja na sua receita. Tem baixo amargor, leve acidez e alta carbonatação. Essas características a tornam muito gastronômica e perfeita para acompanhar queijos de cabra leves e queijos de fungo branco.

Witbier com Feta
Uma harmonização leve e prazerosa, em que as notas ácidas da cerveja e do queijo se combinam aumentando ainda mais sensação de refrescância, enquanto a Witbier empresta sabores cítricos e condimentados ao queijo, a alta carbonatação da cerveja limpa o palato de sua cremosidade tornando a experiência ainda mais leve.

Witbier com Brie


Queijos de fungo branco são fortes e vão muito bem com sabores cítricos e frutados como os que encontramos na Witbier. Sua alta carbonatação limpa a gordura do queijo e o leve dulçor equilibra os sabores acentuados. Queijo brie vai muito bem com geleias e, por isso, vai bem com Witbier. Seus sabores cítricos complementam o queijo e tornam a harmonização muito mais complexa.

APA 1817
Premiada com medalha de prata no Festival Brasileiro de Cervejas, a APA 1817 é uma American Pale Ale, cerveja de personalidade muito equilibrada. Seus aromas são convidativos:  manga, maracujá, pêssego e um leve toque de malte. Os aromas se refletem no sabor com um amargor intenso, mas equilibrado com o sabor do malte.

APA 1817 com Prima da Serra 1 Diamante
Tecnologia holandesa similar ao sabor do queijo Prima Donna. O Prima da Serra é um queijo aromático, saboroso e marcante, perfeito para harmonizar com a APA 1917. Sua untuosidade diminui a sensação de amargor da cerveja, que por sua vez empresta sabores tropicais ao queijo. O leve adocicado do malte se mistura com o do queijo, fechando com chave de ouro uma bela experiência gastronômica.

Harmonizou também com Gruyere Bronze e Fontina Diamante.

American IPA
De amargor intenso, fortes aromas tropicais e alta refrescância, a American IPA é a cerveja extrema da Ekäut. Sua receita leva altas cargas de lúpulos americanos, responsáveis pelos aromas extremamente frutados como maga rosa, maracujá, mamão e pêssego. O seu amargor, mesmo intenso, é bem integrado à cerveja e muito prazeroso. Harmoniza bem com queijos complexos e fortes.

American IPA com Montanhês Bronze, Ouro e Diamante

A IPA combina muito bem com o queijo montanhês em várias maturações. A cerveja se adaptou à crescente complexidade do queijo, teve seu amargor equilibrado pelos sabores intensos e misturou completamente seus sabores tropicais e frutados.

Harmoniza também com Emmental Diamante 2; Prima da Serra Diamante 1. 

Coffee Stout
Uma obra de arte em forma de cerveja, a Coffee Stout é uma stout com infusão de cafés extraídos a frio, produzidos no Agreste pernambucano pela Yaguara Ecológico. A extração a frio do café, produz um café muito mais suave, aromático e saboroso e foi justamente por causa disso que a Cervejaria Ekäut escolheu usar esse café em sua cerveja.

A Coffee Stout tem aromas surpreendentes. Além no café presente, sentimos baunilha, mel de engenho e rapadura. Seu sabor se assemelha a de um bom café forte, leve dulçor dos maltes, amargor intenso e um corpo cremoso e aveludado.

Coffee Stout com Fondue de Cabra

Harmonização perfeita! Sabores que se misturam ao ponto de se confundirem. O acentuado sabor de café da cerveja e os sabores lácteos do queijo cremoso se misturam e formam um sabor totalmente novo de café com leite.

Harmoniza também com: Cabra da Serra Ouro , Diamante 1, Pecorino Diamante1 .

Stout

Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem

A cerveja Ekäut Extra Stout é a primeira cerveja escura da cervejaria pernambucana. Após vários testes na receita, chegou-se a uma cerveja forte, escura, elaborada a partir de oito tipos de maltes de diferentes torras. Uma união de corpo aveludado com aromas que remetem ao café e ao chocolate. Uma opção também para servir como sobremesa: um tiramissu feito com fondue de cabra e uma calda quente de chocolate amargo com Coffe Stout para compor o sabor do café.

Stout com fondue de cabra

Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem

Uma harmonização surpreendente em que o sabor do chocolate e do leite se misturam. Essa combinação causa curiosidade pela intensidade de sabores com união e que consegue sentir individualmente o sabor da cerveja e do queijo. Uma deliciosa opção para servir como sobremesa um Creme Brûlée de fondue de cabra.

Onde encontrar

Campo da Serra possui uma loja no RioMar, localizada no piso térreo, logo na entrada principal, onde os clientes podem degustar e comprar os produtos. São mais de 40 tipos de queijo, além de outras comidinhas como creme de leite, iogurte, requeijão, fondue e pão de queijo.

Os rótulos da Ekäut também são encontrados na loja.

Mais de 40 tipos de queijo na pernambucana Campo da Serra