Toda mãe que trabalha fora de casa passa por este dilema: depois de quatro ou cinco meses dedicada exclusivamente ao bebê, chega a hora de retornar para a empresa. Como será com a amamentação? Quem vai ficar com ele? Será que vou conseguir? Impossível não ponderar essas – e muitas outras – questões. A insegurança é natural. Afinal, eles dependem da gente pra tudo não é mesmo?! Existe na literatura uma infinidade de livros que debatem essas hesitações. O Viva RioMar listou dois deles escritos por mães que passaram por essa experiência. Elas compartilham como fazem para conciliar carreira e família, buscando o equilíbrio. É possível encontrá-los na Livraria Cultura do RioMar.

O livro “Bela Maternidade” de Bela Gil, uma das autoras gastronômicas mais sucedidas e admiradas, conta sua experiência com a maternidade e dá dicas de como atravessar os desafios com mais tranquilidade. Bela é mãe de Flor e Nino. A chef natureba também fala de alguns preceitos como o uso de fralda de pano, parto humanizado, cama compartilhada e, claro, alimentação. O livro está na promoção, de R$ 39,90 por R$ 31,90.

“Você não vai conseguir fazer tudo. E tudo bem!” É a partir dessa verdade que o livro “O ano em que disse sim”, de Shonda Rhimes, nos ajuda a aceitar que não somos supermães. O livro não é é focado exatamente na maternidade, mas a experiência relatada pela autora, criadora de grandes seriados como Grey’s Anatomy, Scandal e Private Practice, nos faz refletir sobre essa necessidade de dar conta de tudo. Ao ouvir a frase “Você nunca diz sim para nada” de sua irmã, Shonda Rhimes resolveu se desafiar a dizer mais “sim” para ela mesma. “Ninguém pode fazer tudo.” E fica a dica: se precisa de ajuda, peça – especialmente se você é mãe. O livro custa R$ 39,90.