Crianças, jovens e adultos. Famílias inteiras e vários grupos de amigos. Todos ligados por uma paixão: o Carnaval. Teve início nesta quarta-feira (10), às 18h, o RioMar de Folia. O evento gratuito acontece no Piso L3 do mall, e reúne centenas de foliões.

https://vivariomarrecife.com.br/agenda/riomar-de-folia-comeca-nesta-quarta-feira/

Quem primeiro subiu ao palco, dando boas vindas ao público, foi a banda Som da Terra, com mais de 40 anos de sucesso. Mostrando a que veio, o grupo iniciou com “Leão do Norte”, empolgando a plateia, que cantava o clássico em uma só voz. Depois veio uma sequência de frevos que não deixou ninguém parado. Ao som de “Bicho Maluco Beleza”, “Hino do Elefante” e “Diabo Louro”, Miriam de Melo, de 76 anos, pulava ao lado da neta Luiza Melo, de apenas cinco. “Eu amo o Carnaval e não tem idade para cair na folia”, comentou a vovó.

A vovó Miram Melo, de 76 anos, e a sua netinha Luiza Melo, de apenas cinco, mostram que não tem idade para cair na folia.

O tempo, aliás, pareceu não passar para Maria do Carmo, de 89 anos, que era uma alegria só ao lado da filha Silvana Assis, 55, e do genro Alexandre Assis, 58. Este último explicou que a festa de Momo une a família e por ser feita de atrações locais, o evento tem um charme a mais.

Dona Maria do Carmo, de 89 anos, era só alegria ao lado da família.

A pequena Soffia Dias, 2 anos, estreou a programação do Carnaval 2018 no RioMar de Folia. Desde novinha, ela adora se fantasiar e curtir a folia, garante sua mãe, a administradora Janine Dias. Janine, aliás disse que nesta quinta-feira não vai faltar o sambão do Patusco, que sobe ao palco às 19h.

A pequena Soffia Dias, de dois anos, estreou já fantasiada no RioMar de Folia.

Por cerca das 19h30, Nonô Germano levou o público ao delírio ao entoar em ritmo de frevo um sucesso de Aviões do Forró, “Fiquei Sabendo”, logo na abertura do seu show. Logo depois, veio hits como “Solteiro de Novo”, de Wesley Safadão, e até o sertanejo “O Nosso Santo Bateu”, de Matheus & Kauan. Mas não faltaram clássicos do nosso frevo como “Oh Bela!”, do imortal Capiba.

Nonô sentiu o termômetro dos foliões, hoje, ao apresentar seu projeto Frevo de Balada, que traz sucessos consagrados em ritmo de frevo. O público mais jovem aprovou! A turma de Caio Vinícius, 16, estava na maior empolgação. “Achei muito legal porque aproxima o frevo da gente, com músicas que conhecemos”, disse.

O evento segue nesta quinta-feira (11) com Patusco, às 18h, e André Rio, às 19h. Já na sexta-feira, Marrom Brasileiro se apresenta às 18h, seguido de Almir Rouche, às 19h.

Geraldo, a Burrinha elétrica e muitos Carnavais