A origem das guirlandas de Natal

A origem das guirlandas de Natal

Elas são lindas, e quando começam a aparecer nas portas das casas, trazem com elas o clima bom do Natal. No entanto, pouca gente sabe que as guirlandas são mais antigas que a própria comemoração do nascimento de Jesus.

Tranças redondas, feitas de feno e trigo, eram penduradas pelos antigos nas portas, a fim de trazer boas colheitas. Os romanos tinham o hábito de comemorar o solstício de inverno – uma festa pagã – também no final do ano, presenteando amigos e vizinhos com guirlandas feitas de galhos recém-cortados.

De acordo com as tradições, era um símbolo de amizade e boa sorte, pendurado na porta de quem o recebia. Sem dúvidas a entrada da casa fica muito mais simpática e aconchegante com um adorno lindo como esses a espera dos visitantes, né?

Com o tempo, a guirlanda foi adotada pelo cristianismo, como uma maneira de marcar a chegada do nascimento de Jesus. Seu formato circular representa a eternidade, bem como o ciclo da vida que se repete e não tem início nem fim. Aqui, ela complementa a parede atrás do aparador, que sustenta a Sagrada Família.

Já que é feita de galhos de pinheiro, a única árvore sobrevive verde ao inverno, também significa resiliência e esperança. E é uma maneira simpática de desejar boas vindas aos visitantes. Na foto abaixo, decoração da Coleção Candy da Cecília Dale.

Hoje, guirlandas são uma ótima opção de presente de Natal, e podem ser colocadas em vários lugares da casa, além da porta: penduradas em janelas, sobre aparadores, em cima de lareiras ou mesmo ao redor de castiças ou velas.

COMO PENDURAR A GUIRLANDA

Preciso furar minha porta? Essa é uma pergunta que ouvimos muito nas lojas. A resposta é não. Desde que você tenha um gancho especial para guirlanda, como este abaixo.

O suporte para guirlanda tem a parte de cima achatada, com a medida certa para encaixar em cima da porta ou janela, sem impedi-la de fechar. Como é dourado, fica neutro e entra no clima de Natal.

Para pendurar na frente de quadros e espelhos, outra opção é usar um fio de nylon fino, preso no prego que segura a própria moldura na parede, e depois no alto da guirlanda. Desta forma fica quase invisível.

OUTRAS FORMAS DE USAR 

Guirlandas também podem ser usadas na horizontal! Veja esse exemplo:

No RioMar Recife, a loja Cecilia Dale fica localizada no Piso L2.  Por lá, além de guirlandas, o cliente encontra árvores de Natal e vários itens de decoração temáticos.

Fonte: Blog Cecilia Dale

Deixe seu comentário