A Terra é a nossa casa. Mas não somos os únicos “moradores” desse lugar especial. Dividimos espaço com os peixes, com as árvores, leões e as mais diferentes formas de vida. E uma diferença nos marca dos outros co-habitantes: nós somos os únicos responsáveis por manter o nosso lar saudável. Para isso é preciso compreender o sentido de uma palavra: sustentabilidade. No próximo dia 27, no Teatro RioMar, acontece o evento Conexão Sustentável – Um encontro pelo amanhã, hoje. O objetivo é debater questões como economia sustentável, futurismo e ecossistema.

Um dos palestrantes, o professor da UPE Clemente Coelho Júnior, doutor em oceanografia biológica pelo Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo, conversou com a equipe do Viva RioMar e explicou a importância de eventos como o promovido pelo mall. “O tema sustentabilidade tem sido recorrente nos últimos anos devido a uma série de situações ambientais, como a falta de água e a diminuição da biodiversidade, por exemplo. Por isso, os municípios passaram a ficar atentos a estes assuntos, principalmente por ser uma questão de sobrevivência”, destacou o professor.

Ele também comentou sobre como a ciência está próxima de nossas vidas e de que forma ela interfere diretamente no cotidiano das pessoas. “As descobertas científicas têm sido norteadoras das políticas públicas, que beneficiam a sociedade. As curas de doenças é um exemplo disso. As empresas privadas também se beneficiam da sustentabilidade quando investem na gestão da água e da energia, reduzindo seus custos e obtendo até lucros”, explica Clemente.

Para o professor, a sociedade cada vez mais percebe a importância dos ecossistemas. Ele cita os manguezais localizados no Recife. “Historicamente, havia um preconceito com esses ambientes, que eram tidos como insalubres. Com o passar do tempo, as pessoas apreenderam o seu valor, e viram que, na verdade, o manguezal é um aliado, que funcionam, inclusive, como filtro dos esgotos que são lançados diretamente nos rios”, exemplificou.

Além do professor Clemente, o evento vai contar com a participação do ator Marcos Palmeira que, além de atuar, tem um projeto voltado ao empreendedorismo sustentável, e Lala Deheinzelin, considerada umas das principais futuristas da América Latina, especialista em novas economias.

Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia), à venda na bilheteria do teatro e no site. O evento começa às 18h30. Toda a venda será revertida para o Centro Escola Mangue, localizada no Pina.