Sexta-Feira 13: filmes de terror que marcaram a história

Sexta-Feira 13: filmes de terror que marcaram a história

Sabe que dia é hoje? Isso mesmo, sexta-feira 13. Há dois milênios a data é marcada pelo tom sombrio do azar e tem muita gente que leva isso a sério, evitando passar por debaixo de escadas e passando longe de qualquer espelho quebrado. O fato é que o clima místico contagiou o cinema com vários filmes de terror dando vida a obras assustadoras. E foi pensando nisso que a equipe do Viva RioMar Recife preparou uma lista com as grandes produções do medo que marcaram a história. Confira!

O EXORCISTA

Esse é para os fortes! Uma das maiores produções do medo, “O Exorcista” foi lançado em 1974 e conta a história de Regan MacNeil , que após ser possuída pelo demônio é submetida a sessões de exorcismo. O longa é marcado por cenas fortes, falas pesadas e desafia os espectadores mais intrêmulos.

SEXTA-FEIRA 13

Um assassinato misterioso fez com que um acampamento fechasse. No entanto, duas décadas depois o local é reaberto e Annie pretende se divertir no local. Mesmo sendo advertida para não ir ao “Acampamento da Morte” a jovem não volta atrás. O que ela não esperava é que um assassino está de volta e pretende matar todos que ali estão. O longa é um clássico da década de 70 e mescla terror, mistério e um final surpreendente.

A HORA DO PESADELO

Lançado pela primeira vez em 1984, “A Hora do Pesadelo” é uma das produções de terror que marcou toda uma geração. Protagonizado pelo terrível Freddy Krueger, o filme conta a história de um homem que após morrer queimado, ressurge da morte para aterrorizar o sono de suas vítimas. É difícil dormir depois de assistir este clássico.

O MASSACRE DA SERRA ELÉTRICA

Outra produção que segue na memória dos fãs de terror é “O Massacre da Serra Elétrica” lançado em 1974. O longa narra a história de amigos que seguiam em um passeio de carro e se deparam com um psicopata transtornado.

O SEXTO SENTIDO

E para fechar a lista, uma frase que marcou os filmes do gênero “Eu vejo gente morta”. Difícil falar no clássico “O Sexto Sentido” e não lembrar dessa fala marcante. O longa gira em torno de um garoto que por algum motivo consegue enxergar pessoas que já morreram. O jovem conta seu segredo para o psicólogo Malcolm Crowe, que tenta ajudá-lo. A produção traz um tom de mistério com um suspense de dar calafrios e revela uma grande surpresa no final.

“Bloodshot” estreia e traz Vin Diesel às telonas do Cinemark

Deixe seu comentário