Semana do Meio Ambiente: livros para entender sustentabilidade
Foto: Freepik

Semana do Meio Ambiente: livros para entender sustentabilidade

Sabe aquele jargão “o futuro do planeta está em nossas mãos”? Ele é verdadeiro. E por termos consciência disso, a responsabilidade de conservar os recursos naturais e manter o meio ambiente saudável é responsabilidade de todos. Por isso no mundo todo é comemorada a Semana do Meio Ambiente, que começa hoje, 1 de junho, e se estende até 5 de junho, quando é celebrado o Dia do Meio Ambiente 🌿. Esta data foi criada pela ONU para promover a conscientização ambiental. Pensando nisso, o Viva RioMar reuniu alguns livros que tem um assunto em comum: sustentabilidade.

Dica de leitura: 5 livros para viajar pelo mundo

Livraria Saraiva

No site, é possível encontrar um exemplar que aprofunda o debate sobre para onde está caminhando a Terra e a Humanidade, com o título “Terra Na Palma Da Mão – Uma Nova Visão Do Planeta E Da Humanidade”, do teólogo, escritor e professor universitário brasileiro Leonardo Boff. O livro oferece análises detalhadas sobre a gravidade da atual situação do planeta e indica possibilidades de mudanças a partir da cooperação entre os povos.

Do mesmo autor, o livro “Sustentabilidade – O Que É –O Que Não É” faz um histórico do conceito desde o século XVI até os dias atuais, submetendo a uma rigorosa crítica os vários modelos existentes de desenvolvimento sustentável.

 

Livraria Cultura

No site da livraria é possível encontrar dois títulos acerca de um recurso natural essencial para a vida no planeta: a água. A autora canadense de 16 livros, ativista, co-fundadora do Projeto Blue Planet, que trabalha internacionalmente para o direito humano à água, Maude Barlow, traz com o título “Água Futuro Azul – Como Proteger A Água Potável Para o Futuro Das Pessoas e do Planeta Para Sempre” um olhar poderoso, penetrante, crítico e oportuno sobre a crise global da água, mostrando o que se pode ser feito para evitá-la.

Já o livro “Uso Inteligente da Água”, do renomado pesquisador e professor Aldo Rebouças (1937-2011), mostra que há várias maneiras de se usar a água de forma correta, que a abundância no Brasil não autoriza o desperdício e muito menos o descaso. Discute formas eficientes de usar a água disponível, pois não se trata apenas de conseguir mais água, mas sim, de usar a que dispomos com inteligência.

 

Deixe seu comentário