Feira Nações e Artes traz a cultura de vários países para o RioMar
Foto: Luana Monteiro/RioMar Recife

Feira Nações e Artes traz a cultura de vários países para o RioMar

Por Luana Monteiro
Do RioMar Recife

A feira de artesanato Nações e Arte convida você a conhecer – e se encantar – pela cultura de vários países no mundo reunidas em um só lugar: no RioMar Recife. Devido ao grande sucesso, o espaço está de volta na Praça de Eventos 2, localizada no Piso L1, em frente à Centauro. Com 20 stands distribuídos por lá, a dica é ir com tempo para aproveitar cada um deles e quem sabe até levar para casa um pouco do Marrocos, Panamá, Guiana Francesa, Colômbia, Senegal, Indonésia e até mesmo as iguarias do nosso Brasil.

O colorido das roupas e acessórios africanos, os incensos e peças decorativas diretamente da Índia, os tapetes feitos de seda marroquina,  chapéus do Panamá, as bonecas “bebê reborn”, difusores de ar e os filtros dos sonhos vindos da Guiana Francesa estão entre os destaques encontrados nesse tour pela feira. Os preços variam de stand para stand a partir de R$ 4 no caso de ímas de geladeira, pulseira, bombons e mel.

 

Filtro dos Sonhos

Para muitos é um amuleto com o poder de purificar as energias e afastar sonhos negativos, para outros, apenas um item decorativo que dá vida aos ambientes. Assim são conhecidos os filtros dos sonhos. Eles possuem origem índigena norte-americana, muito forte entre a tribo Ojibwa – situada entre os Estados Unidos e o Canadá. A Guiana Francesa é um dos lugares que produzem bastante filtros, inclusive recebe influência da cultura brasileira, já que fazem fronteira com nosso País. Não é à toa que esse é o destaque do stand na feira.

Encontrados a partir de R$ 25.

Bebê Reborn

São bonecas com a aparência de um bebê real. Elas recebem o nome reborn, vindo do inglês, pois significa “renascido” e traz explicação à sua origem. Durante a segunda guerra mundial, era quase impossível encontrar brinquedos na Inglaterra, de modo que, para aliviar as tensões do momento, as mães procuravam “repaginar” as bonecas antigas que as crianças possuíam em casa. No entanto, hoje em dia, para dar as características realistas das bonecas, artesãos trabalham nos traços e mínimos detalhes como veias, cílios, cabelos, textura da pele de um recém-nascido, dobrinhas dos bebês e até no peso delas, que podem variar entre dois a três quilos.

Na feira Nações e Artes, o stand brasileiro é o que destaca as bonecas. Elas acompanham chupeta, mamadeira, certidão de nascimento, manuais de cuidado, orelha furada e até brinco. Os preços são a partir de R$ 1.200.

A gastronomia de Gramado também recebe atenção especial de quem passa por lá. Tem mais de 10 tipos de queijos, salames, sucos, vinhos e bombons.

Mais fotos

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

*Preços e estoques são de responsabilidade da feira.

Deixe seu comentário