Dia do Beijo: relembre as cenas marcantes do cinema
Foto: Reprodução/Cena do Filme

Dia do Beijo: relembre as cenas marcantes do cinema

Por Deoclécio Tadeu 
Do RioMar Recife

Nesta terça-feira, 13 de abril, celebra-se o Dia do Beijo. A origem da data ainda é um mistério, mas a título de curiosidade, os rumores apontam para uma lenda na Itália, onde um rapaz chamado Enrique Porchelo teria beijado todas as mulheres de sua vila. Isso soou negativamente no entendimento de um padre que, na tentativa de desmentir o ocorrido, prometeu uma quantia em dinheiro para a mulher que nunca tivesse sido beijada por Porchelo. Nenhuma se pronunciou. Os relatos sugerem que essa história tenha surgido no dia 13 de abril de 1882.

Netflix: confira os lançamentos de abril

Bom, se a história de Enrique Porchelo é verdadeira ou não, o fato é que, seja aquele beijo na testa dos avós antes de sair de casa, um carinho recebido pelos filhos ou o beijo dos casais apaixonados, esse gesto se ergue como um dos maiores símbolos de carinho e afeto entre os seres humanos.

Mas já que – em tempos de pandemia – os beijos estão limitados, a equipe do Viva RioMar Recife preparou um conteúdo especial listando 5 beijos marcantes que o cinema nos proporcionou. Assim, a gente mata a saudade e fica com aquele desejo que tudo volte logo ao normal. Vem com a gente passear por esses momentos.

HOMEM-ARANHA (2002)

Para começar, um dos beijos mais marcantes do cinema. No filme “Homem-Aranha”, lançado em 2002, Mary Jane e  Peter Parker protagonizaram um beijo épico na chuva. A cena é um marco por inspirar casais ao redor do mundo com o famoso beijo de cabeça para baixo.

TITANIC (1998)

Um beijo por si só pode marcar a vida toda. Agora, imagine o gesto na proa de um navio com a sensação de estar voando. Essa foi a ideia transmitida no filme “Titanic” que, com certeza, marcou os cinéfilos ávidos pelos romances.

GHOST: DO OUTRO LADO DA VIDA (1990)

Há quem acredite que o amor transcende a vida. Se de fato isso acontece, não sabemos, mas pelo menos na ficção o beijo entre Molly e seu amado Sama em “Ghost: Do Outro Lado da Vida”, nos trouxe a perspectiva de que o amor vai além do que imaginamos.

A DAMA E O VAGABUNDO (1955)

Até nas animações temos uma das cenas mais icônicas de beijo. Em “A Dama e o Vagabundo”, os protagonistas, ao comerem uma macarronada, acabam dividindo o mesmo macarrão e, inocentemente, se beijam. A cena se repetiu em várias outras produções e ficou eternizada na memória dos cinéfilos.

HARRY POTTER E AS RELÍQUIAS DA MORTE: PARTE 2 (2011)

Para finalizar, um beijo épico dentro do universo geek. É que no último filme da franquia “Harry Potter”, enfim, Hermione e Rony se beijam e revelam o amor que um sente pelo outro. Além de ter sido um beijo muito esperado pelos fãs, foi também um marco dentro do universo HP.

10 filmes de comédia para maratonar em casa

Deixe seu comentário